Blog

Risco de queimaduras com a criolipólise
30
jun

Existe risco de queimaduras com a criolipólise?

Explicamos para você quais os riscos de queimaduras em sessões de criolipólise e o que fazer para se prevenir delas e garantir um tratamento seguro.

A criolipólise é um tratamento que usa baixas temperaturas para queimar a gordura localizada. O procedimento é feito com o auxílio de um equipamento que faz o pregueamento da pele e uma manta para proteger do frio. Uma das questões sobre a criolipólise que mais perguntam é sobre o risco de queimadura.

 

O tratamento só deixará queimaduras se o protocolo de aplicação não for obedecido pela clínica que oferece o tratamento.

 

Para ocorrer uma queimadura devemos levar em consideração a calibração do equipamento, (tanto a realizada pelo profissional quanto a calibração interna) que garante que a maquina está ofertando o resfriamento solicitado.

Se o profissional não possuir treinamento para operar a máquina as chances de queimadura são reais. Além disso, se a clínica não fizer a manutenção adequada, o desregulamento também pode ser nocivo.

A manta, que possui um liquido anticongelante que protege sua pele, pode comprometer o tratamento se não for boa procedência (ANVISA), pois, pode não conter a quantidade adequada do liquido anticongelante. A manta de má qualidade também pode não ter a espessura adequada para proteção, além de possuir ativos que podem desencadear alergias.

Ainda a respeito da manta, a mesma NÃO pode ser reutilizada e nem mesmo cortada. Cada paciente deve usar uma manta para cada manopla acoplada a sua pele. Quando é reutilizada não há mais a quantidade adequada do liquido para proteger sua pele. Ao ser cortada, a manta corre o risco de um lado ter mais ou menos liquido anticongelante que o outro.

 

Como prevenir as queimaduras?

Todos os riscos de queimaduras com a criolipólise envolvem a qualidade do estabelecimento e dos profissionais que oferecem o tratamento. A melhor forma de evitar qualquer situação ruim é ser bastante criteriosa quando escolher onde fazer a criolipólise.

O maior indício quanto a isso é o preço. Hoje em dia diversas clínicas disponibilizam o tratamento, porém o preço varia bastante. Isso é o maior indicativo de que a qualidade do equipamento e das mantas pode não ser das melhores.

Também ajuda pesquisar sobre os equipamentos que essas clínicas utilizam. Além disso, procure pelos sites e páginas do Facebook das clínicas que te interessam para sentir segurança na sua escolha.

Em um tratamento de criolipólise bem feito os resultados começam a ser percebidos por volta do 14° dia após o procedimento e se estende até 90 dias depois da aplicação. Após o atendimento você pode voltar às atividades normais do dia a dia, não é necessário afastamento ou repouso.